Deixar o meu eu ser

outubro 21, 2020


Descobri que não preciso de me definir como artista. Sou mulher de várias artes que vão desde da cozinha, passando pelos tecidos até aos desenhos a carvão. Sou de muitas artes e todas elas fazem de mim quem sou. E cada vez que penso nisso, mais eu gosto de ser assim. Antes sentia que devia ser só aquela que desenha ou só aquela que trabalha o feltro, mas não conseguia fazê-lo. Não sou capaz de gostar de apenas um tipo de arte e me resumir totalmente a ela. 

Quero parar de me exigir perfeição, ninguém é perfeito consequentemente nada o poderá ser, especialmente quando criamos algo. As pequenas coisas que aos meus olhos são imperfeições, podem ser as características que tornam essa peça única.

Preciso aprender a deixar de procurar aprovação. A partir do momento que gosto do que faço e me sinto bem com isso, nada mais importa. Tudo resto flui porque o que te faz bem a ti, faz bem aos que te rodeiam.

Infelizmente a sociedade em que vivemos nos faz pensar assim. Exige-nos uma constante imagem de perfeição. Somos isto ou fazemos aquilo, para assim sermos aceites ou para fazermos parte de algo, que nem sabemos bem o que é! Tenho vindo a quebrar alguns grilhões destas correntes, e já tenho em mim uma sensação de leveza muito grande. Quando conseguir mudar por completo terei liberdade para deixar o meu Eu Ser.

Vivendo

setembro 21, 2020

Voltei a ver os meus pais depois do desconfinamento com as devidas precauções. A quarantena só nos trouxe coisas boas, aproximou-nos mais. E sou tão grata pela família que tenho!

E eis o verão, que proporcionou novas recordações. Nas férias fomos a Mira, estivemos 2 noites em um bungalow. Foi bom respirar outro ar, ver outras fachadas que não as de sempre, e não reconhecer ninguém.

O Vi regressou ao local de trabalho. Pelo meio compramos um carrito novo que já era necessário!

A Bru já arrancou com o novo ano escolar e acredito que tudo vai correr bem. Tenho de ser positiva, faz-me bem á saúde.

Eu continuo a trabalhar a partir de casa, em um novo projecto da empresa, e estou a adorar.

Descobri uma variedade de sons de pássaros que "moram" aqui ao pé de mim, até galos ouvi cantar (atenção eu estou numa cidade, por isso não é muito comum ouvirem-se galos) durante o amanhecer. E sabe bem apreciar estas pequenas coisas que antes nunca tinha reparado.

Os dias me parecem maiores, como se as horas tivessem mais minutos. Ah como eu aprecio essas "horas extras". 

Tem sido um ano de muitos aprendizados! Mas os mais importantes para mim, sem dúvida nenhuma são, Ser Positiva (atrai coisas boas), Ser Grata e Apreciar o Momento.

Perdoem se lerem alguma palavra em espanhol, já que ultimamente é a minha segunda língua mais falada (es por el trabajo, por eso perdoen las molestias).

Entretanto...

abril 02, 2020

 
Consegui um emprego novo, nos computadores. Já trabalho lá desde maio do ano passado e adoro.
Entretanto o meu último avô morreu... foi difícil mas já passou. Hoje recordo-o com alegria. E tão boas memórias tenho dos meus avós.
Sou testemunha num caso de violência, no qual o fdp (alcunha que lhe atribuí) se deu como culpado, mas agora recorreu...não percebo como isto é possível!!
O Vi finalmente conseguiu emprego na sua área de estudo e também trabalha nos computadores.
A Bru está no 10º ano e com esta situação do país, não sabemos como vai ser o resto do ano escolar, aliás não sabemos como vão ser muitas coisas. Ela sempre vai tendo um ou outro trabalho da escola para fazer. Eu e o Vi conseguimos continuar a trabalhar a partir de casa.
Nunca imaginei viver numa situação de pandemia! Mas cá estamos, um dia de cada de vez e sempre unidos. E por aí como têm sido estes dias?

Então tudo bem? Vai-se andando!

abril 15, 2019



Trabalhei numa lavandaria e aprendi muito com pessoas incríveis. Seis meses passaram e acabou... desemprego novamente. Entretanto coloquei o meu ex-patrão em tribunal por falta de pagamento do que me era devido. E ele finalmente, pagou. Comecei numa fábrica de embalamento de medicamentos hospitalares e não me sentia a aprender nem a contribuir. Saí já com um emprego em vista. Mas antes estou a passar por um processo de formação. Conheci pessoas fantásticas, algumas nas quais me revejo. A minha avó morreu e eu sofri muito. A vida vai passando assim como as pessoas. Todas elas acrescentaram algo à minha vida e de alguma forma influenciam a minha forma de estar e de ser. Vivo aprendendo ou será aprendo vivendo?

Organização familiar

março 06, 2018

BeautyPlus_20180305170051_save

Tento sempre ter tudo organizado! A casa arrumada; as refeições planeadas; As idas ao supermercado; As consultas médicas; os animais; os testes e reuniões na escola da Bru... etc... é tanta coisa que tenho mesmo de apontar tudo, assim não fica nada por fazer!!
Para além da agenda linda e super prática que comprei para este ano, onde aponto todos os compromissos e tarefas, adquiri na Tiger um calendário semanal! Ele tem o ano inteiro dividido em 1 folha por semana. É destacável para assim poder pendurar na porta do frigorifico, dando acesso a toda família. Podem ver o aspecto do calendário na foto acima.

Neste calendário, aponto sempre os compromissos e tarefas de cada um de nós;

Menciono quais as zonas da casa a limpar e arrumar nesse dia; tem post a explicar como organizo esta questão da limpeza da casa;

Coloco também quais as refeições que planeei fazer; já aqui fiz um post sobre como fazer para simplificar o processo de planear as refeições;

Coloco aqui tudo o que acho importante, assim cada um de nós sabe o que tem a fazer! É bem simples, certo?! A parte difícil é manter sempre esta rotina, exige alguma preparação mas poupa tempo ao longo da semana.

Espero que tenham gostado da dica!? Abrejos e fiquem bem!

Resumo

março 01, 2018

pexels-photo-206736

E é isto que se vê... desaparecida outra vez!! A vida desenrola-se numa correria, que não sobra tempo para mais nada!! Resumindo muito rapidamente este mês e qualquer coisa de ausência:

  • A queimadura passou... ficou a marca!

  • Escrevi-me num ginásio! E estou a cumprir... todos os dias de segunda a sexta, lá estou eu, a pagar para suar!

  • Concluí com sucesso o meu CCP!

  • Ando muito interessada em gestão de finanças pessoais, ando a ler um livro interessante sobre este assunto.

  • Trabalhinho que é bom... nada! Se bem que fui a 3 entrevistas esta semana. Ainda vou ter de escolher!! :D

  • Perdi todos os meus apontamentos com ideias de posts! :(

E é isto...penso que não me faltou nada!

Abrejos e até... não sei! Brincadeira!! Vou tentar vir postar na terça!

Relativizar

janeiro 16, 2018

Acontece que no passado dia 4, eu consegui fazer uma queimadura bem feia!! Estava eu a tentar aliviar as dores do pescoço e ombros com um saco de água quente...e eis que o saco rebentou, com a pressão esguichou para o meu antebraço esquerdo! Tinha acabado de colocar água...e não, não estava muito cheio nem estava mal fechado! Rebentou! As dores eram imensas...uma sensação de calor horrível!

E lá fomos nós para as urgências a conselho da saúde 24. Fui logo atendida e medicada. Na ida para casa páramos na farmácia de serviço para comprar o medicamento para as dores. Quando estávamos para ir embora o carro decidiu não pegar! Ainda tentamos dar a chave com ele em andamento (o meu marido e outro senhor a empurrarem e eu a tentar!) mas sem sucesso! Lá conseguimos arranjar um espacinho para o deixar estacionado até o dia seguinte, pois eram cerca da uma ou duas da manhã e chovia imenso! Por sorte tinha um chapéu de chuva no carro e fomos a pé para casa já que ficava a cerca de meia-hora (não sei dizer os km's de distância)!

Apesar de não parecer, posso dizer que tive sorte, a queimadura podia ter sido mais grave, como por exemplo se tivesse sido no pescoço, e o carro apenas precisou de trocar a bateria. Com isto, aprendi a relativizar!

Já estou bem melhor e não tenho dores! Abaixo está a foto da queimadura passados 4 dias, atenção só para os fortes! :)